EnglishPortuguês

Carlos Macedo na Casa das Artes de Famalicão

Arquivo - Maio 31, 2010
Fado e Guitarra Portuguesa uma simbiose perfeita que nos transmite o odor suave da rosa palaciana e do agreste rosmaninho do campo.

Casa das Artes - Famalicão - 26/05/10

O perfume que inebria a alma de todo o português que sente no fado a sua dor e a sua alegria, só mesmo ele consegue chegar ao íntimo de cada um que o ouve, compreende e ama.

Foi este fado que no passado dia 26 de Maio de 2010 alegrou e perfumou a Casa das Artes, na voz de Carlos Macedo, que fez questão de fazer uma acentuada referencia à sua terra natal, Lousado /Famalicão, que muito tem dignificado ao longo da sua carreira artística.

Joaquim Teixeira ao fazer apresentação enalteceu as qualidades de Carlos Macedo, artista multifacetado que naquela noite iria deliciar o público com a sua voz muito própria e inconfundível.

Foram momentos sublimes, pois o fadista teve o cuidado de trazer um naipe de convidados que conseguiram arrancar aplausos merecidos. Os músicos Custódio Castelo na guitarra portuguesa, Carlos Garcia na viola clássica e Carlos Meneses na viola baixo, deram o contributo notável não só no acompanhamento, como a solo, exímios artistas, assim se podem considerar.

A juventude contagiante mas talentosa da Cristina Maria na interpretação da canção nacional e da Natália Juskiewicz, violinista de grande mérito que com mestria ofereceu ao publico momentos únicos. Também é de salientar o grupo de Escuteiros de Lousado, que embora tendo pouco tempo para preparação, deram também o seu grandioso contributo em algumas interpretações. “Dei-te tudo quanto tinha”, “Quero ser o teu velhote”, “A Tagarela” foram alguns dos temas ouvidos e que fazem parte do novo CD do Carlos Macedo intitulado “Entre nós e o fado”.

Bravo Carlos! Volta sempre, pois é desta maneira que se mostra que o fado é de todos e para todos, não é apenas de uma qualquer região ou de uma qualquer classe social. Famalicão está de parabéns, por mais este espectáculo de divulgação da canção nacional que muito agradou ao imenso público presente.


Artigos Relacionados


Comentários
#1 Madalena Magalhães 2010-06-09 19:48 Fado sinónimo de amor, saudade alegria sentimentos que se expressam de uma maneira singular nos olhos, na boca e no coração, embalados pelo trinar de uma guitarra dedilhada com mestria e humildade por alguém que realmente representa o fado em toda a sua essência.
Assim o descreveu na perfeição Cidália Dinis
Citação
PROCURA e OFERTA de Músicos!
Não procure mais... está tudo aqui!

Redes Sociais

     

Newsletter

Mantenha-se actualizado com as novidades do Fado.

Portal do Fado

©2006-2024  Todos os direitos reservados.