EnglishPortuguês

António Zambujo - Quinto

Discos - Março 15, 2012
Mercury / 2012
Quando o António Zambujo e o Ricardo Cruz me pediram para escrever alguma coisa sobre o seu novo disco aceitei logo. 

Não é difícil escrever sobre bons projetos. Um bom projeto é aquele que nos provoca, que nos faz pensar. Mais: que nos melhora o pensamento.Além disso, os bons projetos, como este “Quinto”, transformam-nos a todos em prosélitos. Ouve-se este disco e a vontade que se tem é de sair pelo mundo dando-o a ouvir a outros.

A primeira vez que ouvi falar em António Zambujo não foi em Portugal – foi em São Paulo, através de Marília Gabriela, uma das mais influentes jornalistas do Brasil. Estranhei o entusiasmo de Gabi. A seguir fui escutar o disco, era o “Outro Sentido”, de 2007, e dei-lhe razão. Nunca escutara nada semelhante.

Surpreendeu-me em primeiro lugar a voz de Zambujo, capaz, sem esforço, de iluminar cada palavra. Agradou-me, além disso o saudável desrespeito pelas fronteiras. A facilidade com que mistura diferentes géneros, do fado à bossa nova. Finalmente, seduziu-me o bom humor e a ironia de algumas das letras que canta. Tudo isso reencontrei no disco seguinte, e, agora, neste “Quinto”: os temas que se escutam com o encantamento de quem redescobre a própria infância, a juventude, e até a velhice que, eventualmente, ainda nem chegou.

Cantadas por Zambujo, todas as coisas ganham uma luz de princípio de mundo.

Porque o que mais me impressiona é a frescura (a alegria) com que, ao quinto álbum, António Zambujo continua a cantar. Está tudo dito no tema: “Algo Estranho Acontece”: a permanente inauguração de um universo que, não obstante a repetição, porque o tempo é circular, constantemente se renova. “Eu vivia tudo novamente”, canta Zambujo – e é isso que queremos, enquanto o escutamos. Viver tudo, novamente, e, de cada vez, viver tudo como se estivessemos a estrear a vida.
José Eduardo Agualusa


Artigos Relacionados


Comentários
#1 Virgínia Francisca 2012-04-14 19:04 Já comprei para oferecer à minha mãe que completa 81 anos na px. Segunda-feira. Vi a apresentação em Câmara Clara, gostei muito. :-) Citação
#2 José Manuel Santos 2012-12-05 14:38 Não encontro palavras que possam traduzir o gozo que sinto ao ouvir este disco. As palavras certas estão lá, naquilo que o António canta.
Bravo!!!
Citação
Compramos o seu carro pelo melhor preço!
Não procure mais... está tudo aqui!

Redes Sociais

     

Newsletter

Mantenha-se actualizado com as novidades do Fado.

Portal do Fado

©2006-2024  Todos os direitos reservados.